Por que a análise de dados tem papel fundamental na Engenharia Civil?

Tempo de leitura: 3 minutos

O cruzamento e a análise de dados têm se tornado uma prática cada vez mais comum dentro das organizações na área da Engenharia Civil.

Isso porque a necessidade de ter informações referentes a projetos e obras como: insumos, volumes, prazos, projetos, clientes, investimentos, logísticas entre outros é de extrema relevância.

É por meio dessas informações e principalmente da atualização delas que os gestores e diretores tem o entendimento e o controle de tudo que está se passando nos canteiros de obra. Se o prazo será cumprido, se os materiais estão sendo suficientes, se os investimentos estão dentro do previsto do início ao final do empreendimento, por exemplo.

Entenda os conceitos que englobam a análise dados e como fazer para gerar insights importantes para tomadas de decisões assertivas na área da Engenharia Civil.

Como funciona o processo de análise de dados na Engenharia Civil?

O recurso de análise de dados acontece em algumas etapas, que resumidamente se inicia a partir da integração dos dados – geralmente armazenados nos softwares de gestão da empresa, mas também podem estar em outros documentos como planilhas e arquivos, por exemplo.

Em seguida esses vários dados passam pelo processo de organização e transformação, sendo dessa forma possível realizar a extração de informações concretas e tangíveis que servirão como base para as tomadas de decisão.

Os softwares de gestão, também conhecidos como ERP – que em sua tradução quer dizer “Planejamento dos recursos da empresa”, são muito importantes para gerar uma base de dados.

Podemos dizer que com a ajuda deles o processo de integração e transformação dos dados se torna muito mais simples, pois além de contribuir na atuação com grandes volumes de dados, eles facilitam a obtenção de informações de diferentes cenários da empresa sem ter a necessidade de acessar diversos sistemas, permitindo um melhor desenvolvimento de estratégias e tomadas de decisões mais assertivas.

Business Intelligence

O Business Intelligence ou apenas BI é definido como um processo de coleta, organização e análise de dados, formatação de relatórios e indicadores de gestão que dão suporte às tomadas de decisão no ambiente de negócios. Ou seja, um conjunto de soluções que converte uma grande quantidade de dados em informações úteis para tomadas de decisões estratégicas.

O BI é um conceito de análise de dados que pode ser utilizado em qualquer negócio, independente da área de atuação.

No caso da Engenharia Civil, o BI pode ser muito útil para gerenciar melhor os custos, recursos e materiais, otimizar a produtividade, aumentar a segurança dos funcionários e atender melhor expectativas dos clientes.

Self-service BI

O Self-service BI é a parte do Business Intelligence que visa promover autonomia para que usuários de negócios possam analisar dados sem precisar da intervenção do setor de TI, permite que o usuário de qualquer área possa obter respostas e tomar decisões com muito mais agilidade.

O Power BI é uma ferramenta Self-service BI. Se trata de um conjunto de soluções para análise de dados, que apresenta informações integradas e dinâmicas por meio da criação de Dashboards, além de se conectar a diversas fontes de dados, trazendo informações em tempo real.

Seus relatórios podem ser publicados na web para que todos os funcionários de uma empresa tenham acesso.

Mas por que estamos apresentando a ferramenta Self-service BI Power BI?

Porque através de seus diversos recursos e funcionalidades a análise de dados tende a ser uma tarefa mais produtiva e capaz de apresentar informações relevantes de forma rápida para os tomadores de decisão.

Conheça o Power BI e todas as suas possibilidades, leia: Power BI: conheça algumas funções e vantagens de utilizá-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *